As aplicações não reembolsáveis do BNDES são realizadas por meio de:

BNDES Fundo Social

Origem dos recursos: reversão dos lucros anuais do BNDES.
 
Objetivo:  apoiar projetos de caráter social nas áreas de geração de emprego e renda, serviços urbanos, saúde, educação e desportos, justiça, meio ambiente, desenvolvimento rural e outras atividades vinculadas ao desenvolvimento regional e social.
 
Modalidades de Operação: seleção de projetos, premiação e apoio continuado.
 
Seleção de projetos:
Apoio continuado: o BNDES oferece apoio permanente a projetos com foco na inclusão social, de acordo com regras e condições operacionais do BNDES Fundo Social.

BNDES Fundo Tecnológico (BNDES Funtec)

Origem dos recursos: reversão dos lucros anuais do BNDES.
 
Objetivo: apoiar projetos que estimulem o desenvolvimento tecnológico e a inovação de interesse estratégico para o País, em conformidade com os Programas e Políticas Públicas do Governo Federal.
 
Modalidade de Operação: apoio continuado.
 
O BNDES oferece apoio permanente a projetos com foco no desenvolvimento tecnológico e na inovação, de acordo com regras e condições operacionais do BNDES Funtec.

BNDES Fundo de Estruturação de Projetos (BNDES FEP)

Origem dos recursos: reversão dos lucros anuais do BNDES.
 
Objetivo: apoiar a realização de pesquisas ou estudos que contribuam para a formulação de políticas públicas ou a geração de projetos relacionados ao desenvolvimento
econômico e social do Brasil e da América Latina.
 
Modalidade de Operação: chamadas públicas.
 
Veja as chamadas públicas realizadas no âmbito do BNDES FEP.

Fundo Amazônia

Origem dos recursos: doações de investidores externos.
 
Objetivo: apoiar ações de prevenção, monitoramento e combate ao desmatamento, e de promoção da conservação e do uso sustentável das florestas no bioma amazônico, nos termos do Decreto nº 6.527Link para um novo site, de 1º de agosto de 2008.
 
Modalidade de Operação: apoio continuado.
 
As ações apoiadas pelo Fundo Amazônia devem observar as diretrizes do Plano Amazônia Sustentável (PAS)Link para um novo site e o Plano de Ação para Preservação e Controle do Desmatamento na Amazônia Legal (PPDCAM)Link para um novo site (PDF - 1,7 Mb) e estar de acordo com as diretrizes definidas pelo Comitê Orientador do Fundo AmazôniaLink para um novo site.

Apoio a projetos no setor da cultura

Origem dos recursos: dotações anuais no orçamento de aplicações do BNDES.

A ação do BNDES privilegia:

  • o desenvolvimento e fortalecimento da cadeia produtiva da economia da cultura no País;
  • a preservação da memória cultural tangível e intangível;
  • a preservação do patrimônio histórico arquitetônico associado à revitalização urbana e turística e ao desenvolvimento social; e
  • a inclusão social através da arte e da cultura.

Projetos relativos ao Patrimônio Histórico e Arqueológico Brasileiro

Objetivo: apoio a projetos relativos a monumentos tombados pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), que sejam de uso público e de propriedade de pessoa jurídica de direito público ou privado, sem fins lucrativos. Serão apoiados projetos aprovados pelo Ministério da Cultura e enquadrados no artigo 18 da Lei Rouanet.
 
Modalidade de Operação: apoio continuado
 

Projetos de Preservação de Acervos

Objetivo: apoio à modernização de museus, arquivos e bibliotecas visando à preservação e segurança de seus acervos e à melhoria das condições de atendimento e acesso ao público.
 
Podem ser apoiados projetos projetos que tenham como finalidade uma ou mais das seguintes ações: catalogação, higienização e acondicionamento; restauração; gerenciamento ambiental; instalação de sistemas de segurança; infraestrutura; e visitação.
 
Modalidade de Operação: seleção pública de projetos.
 

Projetos de Desenvolvimento de Séries de Animação e Documentários para TV (desde 2007)

Objetivo: apoio não reembolsável, conjugado com apoio reembolsável no âmbito do BNDES Procult, a projetos de desenvolvimento de séries de animação e documentários para TV. Serão apoiados projetos aprovados pela ANCINE no artigo 1º A da Lei do Audiovisual.

Modalidade de Operação: seleção pública de projetos.

Veja mais informações na página do BNDES Procult

Patrocínio a Eventos

Origem dos recursos: dotações no orçamento de aplicações do BNDES.

Objetivo: apoio à realização de eventos de caráter coletivo e curta duração – como festivais, congressos, feiras e seminários – que possam gerar benefícios significativos para a sociedade brasileira e contribuir para reforçar a imagem do BNDES.

Os projetos passíveis de apoio devem ser de interesse público, tendo claramente demonstrada sua contribuição para o desenvolvimento do Brasil.

Modalidade de Operação: seleção pública de projetos.

Consulte os períodos de inscrição para seu projeto e veja as condições específicas para a concessão de patrocínio pelo BNDES.