09/06/2006

· A nova linha contempla caminhoneiros autônomos de transporte de cargas
· O prazo de carência e amortização será de até 84 meses

A diretoria do BNDES aprovou a criação do Programa de Financiamento a Caminhoneiros - Procaminhoneiro, destinado ao financiamento a caminhoneiros autônomos e empresários individuais no setor de transporte de carga.

O Procaminhoneiro foi concebido no BNDES com a participação de representantes dos caminhoneiros autônomos (Cooperativa de Transportes Autônomos), dos fabricantes (ANFAVEA) e dos bancos (FEBRABAN e Associação Brasileira das Empresas de Leasing). O Programa tem um cunho econômico e social e espera-se com a sua implementação os seguintes benefícios: acesso efetivo de um segmento de trabalhadores até então à margem dos programas de financiamento por dificuldade de acesso ao crédito; renovação da frota circulante do país; redução do custo Brasil – logística e frete; redução do consumo de combustível e de emissões; aumento na segurança veicular e de tráfego.

CONDIÇÕES DO PROGRAMA

Objetivo

Financiamento à aquisição de caminhões, chassis e carrocerias de caminhões de fabricação nacional, novos ou usados que, no ano de apresentação do pedido de financiamento ao BNDES, tenham completado até oito anos, contados a partir do ano de sua fabricação. No caso de caminhões usados, poderão ser financiados somente equipamentos com garantia de procedência, adquiridos em fabricantes, concessionárias ou distribuidoras autorizadas ou revendedoras independentes, que serão responsáveis pela revisão garantida por pelo menos 90 dias.

O caminhoneiro terá ampliada sua facilidade de acesso ao crédito, pois poderá optar pelo arrendamento mercantil (operação de leasing) . No caso específico das operações de leasing, o Procaminhoneiro foi beneficiado pelo Decreto Presidencial número 5.768, de 8 de maio, que permitiu às sociedades de arrendamento mercantil e aos bancos com carteira desta modalidade sob controle de capital estrangeiro realizar financiamentos com base na TJLP. Antes deste decreto somente bancos de capital nacional podiam utilizar financiamentos em TJLP para leasing, o que excluía os bancos de montadoras.

Beneficiários

Pessoas físicas residentes e domiciliadas no país, e empresários individuais, do segmento de transporte de carga e empresas arrendadoras, desde que o arrendatário seja caminhoneiro autônomo (pessoa física) ou empresário individual do segmento de transporte de carga.

Itens Financiáveis

Caminhões, chassis de caminhão; carrocerias de caminhão; bem como sistema de rastreamento, quando adquirido em conjunto com os demais itens. Agora poderão ser financiados também o seguro do bem e seguro prestamista, quando contratados em conjunto com os demais itens.

Recursos

Do BNDES, no valor de até R$ 500 milhões, até 31.12.2006.

O programa será estendido a 2007 e seu orçamento poderá ser elevado em função da demanda.

Prazo de vigência: Até 31.12.2006

Condições de Financiamento

a) Remuneração do BNDES: TJLP (hoje em 8,15% ao ano) mais 1,0% a.a.
b) Remuneração do agente financeiro e ou arrendadora mercantil: até 6,0% a.a.

Participação do BNDES no financiamento: até 100%

Prazo: até 84 meses

Comparação das condições do antigo programa (BNDES caminhões) com o novo (PROCAMINHONEIRO):

O novo programa amplia de 90% para até 100% a participação do BNDES no financiamento. Fixa o spread máximo do agente financeiro (antes era livre) e eleva o prazo de carência e amortização de 60 meses para até 84 meses. Aumenta de sete para oito anos a idade do caminhão usado a ser financiado ou arrendado.

Valor das prestações: Comparando o antigo programa (BNDES caminhões) com o novo (PROCAMINHONEIRO), obtêm-se as seguintes prestações:

Antes Agora
Valor do Caminhão BNDES Caminhões PROCAMINHONEIRO
Novo Usado Novo e usado diferença (%)
R$ Novo Usado
50.000 1.059 1.393942-11,05-32,38
100.000 2.118 2.7861.885-11,00-32,34
300.000 6.354 8.3595.654-11,02-32,36
Tx de juros (a.a) 16,15% 16,15% 15,15%
Prazo (meses) 72 4884
% financiado Até 90% Até 90% Até 100%